Conceição do Araguaia, Pará, Brasil​

Siga

Conceição do Araguaia, Pará, Brasil​

Siga

Ajude na formação dos futuros sacerdotes

Ajude na formação
dos futuros sacerdotes

Muito obrigado, Irmãs Pastorinhas!

Neste ano de 2023, as Irmãs de Jesus Bom Pastor- as “Pastorinhas”- celebram 51 anos de dedicado serviço em nossa Diocese de Conceição. Agora, elas “embarcam” em novas missões, distantes da Diocese. Vale destacar que a congregação foi a segunda a se instalar nas terras sul paraenses, depois das irmãs dominicanas. Chegaram primeiro ao município de Santa Maria das Barreiras, em 17 de fevereiro de 1972; e em 1975, vieram para Redenção, onde sempre foram cruciais e uma grande força para a evangelização. No ano de 2022, chegaram ao seu Jubileu de Ouro nas terras da Imaculada. 

Nesse sentido, em 10 de dezembro deste mesmo ano, a Paróquia Cristo Redentor, situada em Redenção- PA, realizou uma Missa em ação de graças pelos 51 anos de serviço das Pastorinhas em nossa Diocese. 

“Não vivenciamos uma despedida, mas sim um envio em missão”, afirmou nosso Bispo Dom Dominique.

Entre todas as irmãs que passaram pela Diocese, rostos conhecidos jamais serão esquecidos: Ir. Lucina, Ir. Josefa, Ir. Irene, Ir. Adriana, Ir. Rosilda; Irmãs Gabriele, Inácia, Florinda, Amélzia, e outras, amadas por toda a nossa Igreja Particular, de forma especial pela Paróquia Cristo Redentor. Ao final da Santa Missa, algumas homenagens foram feitas às irmãs, com a recitação de textos de agradecimento por seus trabalhos na Diocese.

Nos avisos finais, a superiora provincial, irmã Sueli Berlanga, expressou-se emocionada: “Louvo a Deus por todas essas palavras de agradecimento às nossas irmãs.” Ela provocou a assembleia perguntando: “Elas deixaram muitas sementes por aqui?” e, ao responder, disse: “Então, agora é hora da colheita! Quem realizará essa colheita serão vocês! A colheita ocorrerá na caminhada junto à comunidade. Para uma pastorinha que deixa uma Paróquia, a maior satisfação é saber que todos continuam a missão. As Irmãs Pastorinhas caminharam com todos por 51 anos, não se retirando de suas vidas. Elas, como Maria, a Mãe, estão indo atender lugares mais necessitados”. 

A irmã Sueli expressou o desejo de mais irmãs para continuar a caminhada com a comunidade, solicitando maior generosidade das famílias na educação de seus filhos para a consagração à Igreja. Em nome de toda a congregação, desejou a todos uma boa caminhada, levando-os em seus corações e agradecendo pelo carinho, generosidade do bispo, dos padres, que cuidaram, amaram, respeitaram e caminharam com as irmãs.

Após a fala da Irmã Sueli, Padre Joaquim Carlos, pároco da Paróquia, presenteou as irmãs com uma simples lembrança da comunidade Cristo Redentor. Agora, a Paróquia em questão continuará apenas com a presença das Irmãs Beneditinas Olivetanas. Nesse sentido, “rezemos incessantemente para que Cristo Redentor envie uma nova congregação para estar conosco, para somar conosco”, pronunciou o pároco.

No mais, em nome de toda a Diocese de Santíssima Conceição do Araguaia, queremos dizer às Irmãs Pastorinhas: MUITO OBRIGADO! Que Deus lhes recompense! E boa missão a cada uma de vocês!

Texto: Equipe Diocesana da Pascom

Fotos: Pascom- Paróquia Cristo Redentor- Redenção/PA

DESTAQUE

ÚLTIMAS POSTAGENS

Em Xinguara, João Paulo e Samuel Lima são ordenados diáconos

A Quaresma 2024

Carnavais com Cristo em nossa Diocese: canais da graça para a juventude!