Conceição do Araguaia, Pará, Brasil​

Siga

Conceição do Araguaia, Pará, Brasil​

Siga

Ajude na formação dos futuros sacerdotes

Ajude na formação
dos futuros sacerdotes

JORNADA DIOCESANA DA JUVENTUDE 2023

Nos dias 04, 05 e 06 deste mês, fazendo comunhão com a Jornada Mundial da Juventude, aconteceu, em Redenção, a JDJ 2023 com o lema: “Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1,39), reunindo mais de 300 jovens das paróquias da nossa Diocese para celebrarem a fé e, com Maria, dizer sim à vontade do Pai.

O encontro contou com a participação de padres, seminaristas, missionários diocesanos, consagradas, bispo diocesano, e também do Padre Roberto Braga, da Diocese de Uruaçu-GO, que pregou sobre o lema e conduziu a Adoração Eucarística.

Os jovens chegaram sexta-feira na Chácara Bom Pastor e, assim, se prepararam para viver dias bem cheios e intensos de oração, diversão, espiritualidade, amizade e encontro com Nosso Senhor, Jesus Cristo. A programação oficial iniciou com uma animação conduzida pelo Ministério Mensageiros, onde a galera pôde louvar a Deus por meio de canções e coreografias que levaram a maioria dos presentes a “remexer o esqueleto”.

Depois de terem perdido algumas calorias, chegou o momento do jantar, sucedido pela celebração da Santa Missa, que reuniu Dom Dominique como celebrante e os padres Aleuto, Roberto, Ívio, Pedro e Hélder como concelebrantes. No momento da homilia, Pe. Aleuto foi bastante incisivo em sua mensagem aos jovens com a seguinte frase: “Não tenham medo!”.

E como jovem é difícil para cansar em eventos como esses, houve mais um momento de animação, após a Missa. Logo depois, a tão esperada gincana aconteceu, tendo como objetivo informar os jovens acerca da Jornada Mundial da Juventude em relação às suas atividades e curiosidades. Divididos em seis equipes, os meninos e meninas presentes puderam aprender e se divertir.

No dia seguinte, a garotada teve que despertar bem cedo: 05h30min. Isso mesmo! 05:30h “da madrugada”, como diz a juventude. E, apesar do cansaço e do sono, a primeira programação do dia foi realizada com bastante devoção, atenção e escuta: era a Via-Sacra, momento este de profundo recolhimento e reflexão sobre a paixão, morte e ressurreição de Cristo.

Ainda nesse dia de sábado, aconteceu a primeira e única palestra do evento, conduzida, como citamos acima, pelo Pe. Roberto Braga. Através do lema do encontro, os jovens puderam refletir a alegria missionária através do gesto não solicitado de Maria para com sua prima, que partiu simplesmente porque ama. E também que é preciso a constância da caminhada, não permanecer no chão se cair. E se alguém cair, ajudar o outro a se levantar.

A seguir, vieram as oficinas sobre a vida de alguns santos jovens e sobre duas temáticas importantíssimas para os dias atuais: drogas e sexualidade. Essa parte do evento ficou bem livre para cada jovem ir à oficina que quisesse. Na verdade, podia-se escolher duas, no máximo, fazendo uma espécie de rodízio. E ainda pela manhã aconteceu a Santa Missa, em que Pe. Roberto Braga conduziu o momento da homilia.

E o que houve na parte da tarde? Sim, a tão esperada e amada TRILHA, que, por sinal, foi muito bem preparada e desenvolvida pelo grupo Escalada (Paróquia Cristo Redentor), pois não quis trazer apenas o lado aventureiro e divertido, mas também, e principalmente, o sentido espiritual do percurso feito pelas seis equipes do evento. Bom: cremos que você tenha imaginado como essa garotada ficou após passar por lama, poça de água, terra… ficaram bem sujinhos… e que tal um banho de mangueira para limpá-los?! Não! Isso é fichinha! Eles tomaram banho de trator-pipa.

Agora, uma ênfase para o que aconteceu à noite: todos os jovens se dirigiram para a Igreja Matriz da Paróquia Nossa Senhora das Graças por meio de vários ônibus que os conduziram até lá. Mas é claro: não faltou animação, alegria e diversão nesse percurso. Chegando ao destino, assistiram a dois vídeos: o primeiro se tratava de uma mensagem de dois jovens da nossa Diocese que foram a Lisboa para participarem da JMJ, e que estavam em comunhão com os meninos e meninas daqui; o segundo vídeo foi o pronunciamento do Papa Francisco na Vigília Eucarística, em Lisboa- Portugal. Ademais, os jovens também puderam conhecer a história de Nossa Senhora de Nazaré e, em seguida, se dirigiram até à sua imagem para fazerem seus pedidos.

Posterior a isso, caminharam com a Virgem de Nazaré por algumas ruas de Redenção, cheios de fervor, animação, alegria e muita fé. Sim! Foi uma caminhada incrível! Do jeitinho jovem de ser! No meio do percurso, a juventude deu uma parada na Praça da Bíblia para ouvirem três testemunhos belíssimos sobre a experiência com a Palavra de Deus. E que imagem bela ver tantos jovens ali, sentados, simplesmente, para ouvir e, assim, quem sabe, se inspirarem a dedicar um tempo com Deus por meio da bíblia.

E o que dizer, então, do ápice dessa caminhada? Chegando à Igreja Matriz da Paróquia Cristo Redentor, os jovens puderam adorar a Jesus no Santíssimo Sacramento do Altar e aí puderam ter um momento de profunda intimidade e encontro com Ele. Quantos jovens se emocionando…outros apenas olhando e contemplando…alguns chegando mais próximos de Jesus…enfim, todos, de alguma forma, sendo tocados pelo Senhor. A condução da Adoração foi feita por Pe. Roberto e animada pelo Ministério Mensageiros. Ao término, chegou o momento de agradecer ao padre pela ajuda e presença no evento e, é claro, momento de se despedir também, visto que ele retornaria para sua Diocese. Na ocasião, Dom Dominique o abençoou e o agradeceu. E para fechar aquela noite, nada como uma fotografia para registrar um dia tão especial.

E no último dia de encontro, os jovens, divididos em grupos, puderam ter uma experiência com a Palavra de Deus por meio de um método de leitura bem conhecido: a Lectio Divina; se reuniram para um momento de partilha e discussão sobre o que gostariam que tivesse no próximo evento para eles: o Dia Nacional da Juventude; além de avaliarem um pouco sobre a Jornada Diocesana que estavam vivendo.

E para fechar com chave de ouro os intensos momentos vividos ali naquela chácara, houve a celebração da Missa de envio, onde os jovens, antes da bênção final, receberam alguns objetos que simbolizam os quatro pilares que nossa Diocese utiliza: um livro com os Evangelhos e um guia sobre os passos da lectio divina para representarem o pilar da Palavra; o livro YOUCAT, representando o pilar do Pão; a cruz para o Pilar da Caridade; e a mochila para representar a Missão.

Além de tudo isso, aproveitando a ocasião do encontro e a Festa da Transfiguração do Senhor, o seminarista João Paulo deu mais um passo rumo ao sacerdócio e recebeu o ministério do leitorado, reforçando o compromisso da vocação a qual foi chamado. Ele esteve presente em todo o encontro e pôde, diante dos jovens, dos seus irmãos seminaristas, e dos padres receber a bênção de Deus, proferida nos seguintes termos pelo bispo Dom Dominique: “dignai-Vos abençoar este nosso irmão João Paulo,
escolhido para o ministério de Leitor, e concedei que, meditando assiduamente a vossa Palavra, seja nela instruído e fielmente a anuncie aos seus irmãos”.

A Jornada Diocesana da Juventude significou também um momento de renovação para o Setor Juventude, que conta, agora, com novas pessoas para acompanhar a coordenação. Fazem parte desse grupo: Andressa e Pedro, casal da Paróquia Cristo Redentor; Reizy, jovem da Paróquia Nossa Senhora das Graças; e Herbert, seminarista e o mais novo assessor diocesano da juventude. E a primeira missão deles é encontrar um jovem para assumir a coordenação do Setor.

Nesse sentido, rezemos nessa intenção e rezemos para que nossa juventude continue se fortalecendo em suas comunidades, que sempre se levante e saia para anunciar, e que seja presença de Cristo na vida das pessoas, assim como fez Maria.

Ouvimos um AMÉM?!

Texto: Equipe Diocesana da Pascom.

Fotos:
Pascom Diocesana
Pascom Paróquia Cristo Redentor
Pascom Paróquia São José Carpinteiro

JDJ2K2023 #juventudecatólica #diocesedeconceição

DESTAQUE

ÚLTIMAS POSTAGENS

Missionários Diocesanos 2024

MENSAGEM AOS CRISTÃOS CATÓLICOS DO BRASIL

61ª Assembleia Geral da CNBB – Caminhos para a Sinodalidade